Pintura epóxi

0

Talvez você já tenha reparado no quanto o piso de uma indústria parece “plástico”. Essa aparê k8hncia não ocorre por acaso. Na verdade, muitos destes pavimentos recebem a chamada pintura epóxi, uma tinta plástica que pode ser aplicada no solo, paredes e outros, e não apenas no ambiente industrial.

Entre as principais vantagens da tinta epóxi está sua característica impermeável. Além de não absorver líquidos, o material não mancha. Ao mesmo tempo, apresenta enorme resistência contra impactos físicos. Por isso, o produto é bastante utilizado em espaços que contam com tráfego médio, de pessoas, máquinas ou veículos.

Para ambientes residenciais, esse tipo de tinta ainda garante um belo visual ao espaço. Inclusive devido às diversas cores disponíveis no mercado, que podem ser facilmente combinadas com a decoração do restante do imóvel. Suas tonalidades intensas também podem ser utilizadas para demarcações de área no piso. Isso ocorre, por exemplo, na demarcação das diversas vagas para veículos, em um estacionamento.

Já que é resistente ainda a ataques químicos, a pintura epóxi pode ser da mesma forma utilizada em laboratórios científicos, hospitais, garagens, depósitos e vários outros.

Aplicação da pintura epóxi

É indicado que apenas um profissional experiente realize a aplicação da tintura epóxi. Isso porque, o material é bastante volátil, podendo apresentar péssimo resultado se não for corretamente executado. Ao mesmo tempo, ele é tóxico e inflamável, o que requer um manuseio ainda mais cuidadoso.

Ao adquirir o produto, também é importante analisar corretamente as suas características. Ele precisa seguir as normas de segurança, ter sido aprovado em controle de qualidade e, principalmente, estar dentro da data de validade. Do contrário, o piso obtido com sua aplicação ficará bem aquém do esperado, inclusive com imperfeições. Além de trabalhoso, o processo para correção dos problemas pode demandar custo bem maior do que o inicialmente previsto para a obra.

Geralmente, um galão de tinta epóxi tem rendimento de até 50 m². Em espaços desnivelados ou porosos, esse rendimento costuma ser menor, já que é necessária maior quantidade de pintura para cobri-los adequadamente. A marca do produto também pode provocar variação neste aspecto. Por isso, fique atento ao que o fabricante indica na embalagem.

Cuidados na aplicação da tintura

Quando realizada corretamente, esse tipo de pintura suporta com maestria o fluxo constante de pessoas e maquinários pesados. Ao mesmo tempo, permite uma limpeza bastante simples do ambiente.

Mais do que a escolha do material e profissional, porém, é fundamental acertar nos materiais utilizados para a aplicação. Normalmente, o responsável pela obra precisa contar com rodo dentado para aplicação de autonivelantes, pincel ou trincha, compressor, pistola e/ou rolo fura bolha. Esse último, por exemplo, pode evitar a ocorrência de bolhas de ar na superfície, o que causaria imperfeições.

Após o uso dos utensílios, indica-se realizar sua limpeza por meio de redutor indicado pelo fabricante da tinta adquirida. Na maior parte dos casos, o fabricante sugere o uso do tíner.

Assim que seca, a tinta pode receber acabamento acetinado, fosco ou brilhante. Tudo depende do objetivo do consumidor e do espaço em que o produto foi aplicado. Dessa forma, é interessante conversar com um profissional. Com o seu auxílio, o usuário poderá definir mais acertadamente o tipo de finalização do piso.

Vantagens da tintura epóxi

Sem dúvida, a principal vantagem da tintura epóxi é a sua resistência, especialmente comparando-a com a tinta acrílica, comum. Uma pintura epóxi suporta muito mais impactos do que a segunda, além de ser menos danificada por estes impactos. Ao mesmo tempo, o produto tem grande resistência a altas temperaturas.

Também é possível citar a execução e secagem rápida do material. Afinal, apesar de requerer cuidados em sua aplicação, o produto não demanda muito após o seu adequado espalhamento.

Como cria uma superfície bastante lisa e nivelada, e tinta epóxi ainda garante certa facilidade de limpeza do espaço. Para a retirada de sujidades, basta utilizar água e detergente neutro. Não é indicado o uso de produtos abrasivos ou químicos. Isso porque, mesmo que a tintura tenha resistência contra eles, sofrerá desgaste mais rápido se os itens forem utilizados.

Ademais, podemos destacar a beleza da superfície tratada deste modo. A tintura deixa-a com um aspecto brilhante e colorido, com cores intensas e que agregam bastante ao quesito decoração do espaço.

Pintura epóxi versus Resina epóxi

Não é incomum que a pitura epóxi e a resina epóxi sejam confundidas. Afinal, os materiais possuem nome e composição muito semelhantes. Contudo, é fundamental diferenciá-las. Afinal, suas aplicações são indicadas para objetivos e espaços diferentes.

Diferentemente da tinta, por exemplo, a resina epóxi só pode ser utilizada como pavimento. O produto consiste em um plástico termofixo líquido que, assim que misturado com um agente catalisador, endurece.

Sua resistência é ainda maior do que a pintura, especialmente porque sua espessura no piso é também maior. Aplicadas até 6 demãos de tinta, como é normal, a superfície obtém novos 0,3 mm de espessura. Já no caso da resina, é possível alcançar até 5 mm. Isso uma vez que a aplicação do material inclui diversas camadas. São elas: o primer, selador, capa de regularização, resina e acabamento.

Dessa forma, a resina, se aplicada em um piso não nivelado, poderá nivelá-lo e torná-lo liso. A tinta, bem mais fina, não possui essa capacidade, e ainda deixaria transparecer as irregularidades da superfície.

O tempo de cura da resina epóxi é mais demorado. Seu preço também é mais alto, uma vez que o material é mais resistente e autonivelante. O produto pode ser aplicado em diferentes ambientes, de residências a indústrias.

Usos da tinta epóxi

Como citado ao longo do texto, o uso da tinta epóxi pode ser feito nos mais variados ambientes: em grandes extensões de piso industrial, em paredes e até em pavimentos residenciais e comerciais.

Azulejos cobertos pela pintura, por exemplo, ganham enorme facilidade de limpeza. Eles também se tornam mais atraentes, agregando à decoração do ambiente.

Esse tipo de pintura ainda é muito utilizado em quadras poliesportivas. Inclusive porque, graças às diversas cores disponíveis do produto, é possível fazer a demarcação das áreas da quadra. O material é igualmente comum em estacionamentos e em locais que requerem alta resistência do pavimento.

Leave A Reply

Your email address will not be published.